Gerencie seu negócio de forma profissional. Vamos além da criação de sites.

Sua loja virtual é moderna, intuitiva e possui bons produtos à venda, mas mesmo assim não vende? Isso pode ser resultado de diversos erros simples que, em grande escala, podem facilmente levar sua loja à falência. Existe uma infinidade de erros que os empreendedores de e-commerce cometem diariamente, e todos seriam evitáveis com um pouco de cuidado durante o processo de planejamento. Esses erros são extremamente comuns, e, consequentemente, se você evitá-los já estará um passo à frente de um grande número de lojas virtuais.

O mais surpreendente desses erros é que muitos são tão simples que parecem inofensivos, mas podem prejudicar o desempenho da sua empresa. Se sua loja virtual está com o número de vendas congelado faz tempo, é possível que você esteja cometendo um ou mais erros da lista abaixo. Mas não se preocupe! Todos eles são fáceis de consertar e precisam apenas de um pouco de atenção do administrador da empresa para que sejam corrigidos. Abaixo, listamos os 10 erros mais comuns que prejudicam as vendas de um e-commerce e suas soluções.

porque-meu-ecommerce-nao-vende-1

1. Cadastro do cliente com muitas informações

É comum encontrarmos sites que possuem um formulário de cadastro muito longo. Pedir informações demais (e muitas vezes não necessárias) pode fazer com que o seu cliente desista de fazer a compra por demandar muito tempo. Não é necessário solicitar mais de um número de telefone, redes sociais, como conheceu a loja, ou que o cliente indique um amigo. Esses campos atrasam o consumidor de e-commerce, que tem a intenção de comprar com agilidade.

Como corrigir: Elabore um bom formulário de cadastro, contendo apenas as informações estritamente necessárias para efetuar a compra. Quanto mais simples e rápida for a área de cadastro, mais chances você terá de obter um nÚmero grande de cadastrados em sua loja virtual. Deixe para colocar campos como “como conheceu a loja” e “indique um amigo” após o cadastramento, para que o cliente responda quando puder e dispor de mais tempo.

2. Busca de produtos confusa

Você provavelmente já acessou sites em que você busca um produto e encontra uma avalanche de produtos totalmente diferentes ao que você procurou. Isso acontece porque as palavras-chave usadas para encontrar produtos não estão colocadas de forma correta em seus respectivos produtos. Quando um cliente procura a palavra “calça”, significa que ele quer ver somente calças, e não os demais produtos. Portanto, misturar produtos em sua loja poderá dar a impressão de desorganização para o usuário.

Como corrigir: procure cadastrar as palavras-chave corretas em cada produto. Cadastre palavras relacionadas ao material, função, cor e categoria do produto em cada um, sem utilizar palavras que não dizem respeito à ele.

3. Não possuir contato no site (ou escondê-lo)

Ao acessar uma loja virtual, uma das primeiras coisas que devemos nos deparar é o contato da loja. Seja o endereço da loja física, telefone, e-mail, SAC, mas é necessesário que o site possua informações de contato disponíveis e visíveis para o cliente. Não colocar o contato no site pode não só diminuir o número das vendas, como também fazer com que a loja não transmita confiabilidade.

Como corrigir: coloque o contato de sua empresa de maneira visível ao seu cliente em seu site. É interessante colocar mais de uma vez, em outras páginas ou no rodapé, para que o cliente consiga encontrar sem maiores dificuldades.

4. Fotos de produtos inadequadas

A imagem é a maior referência de um produto que o seu cliente terá antes de fazer a compra. Muitos sites utilizam fotos pequenas, ou apenas uma imagem do produto. Isso faz com que o site passe uma imagem duvidosa ao cliente.

Como corrigir: foque em colocar imagens de qualidade nos produtos. É interessante colocar fotos de mais de uma perspectiva, para que assim o cliente consiga ver o produto “tridimensional”, além de reforçar que o produto realmente existe.

5.Pouca informação sobre os produtos

Quando estamos fazendo uma compra em uma loja física, é possível tocar o item, sentir o material, o peso, e analisar todas as suas especificações antes de comprar. A loja virtual possui naturalmente a desvantagem do cliente não poder ver o produto antes de comprá-lo. Assim, as lojas virtuais devem fazer o máximo possível para descrever o produto detalhadamente e fazer com que a experiência de compra seja semelhante à de uma loja física. Lojas virtuais que não descrevem seus produtos de forma adequada perdem seu cliente rapidamente para suas concorrentes.

Como corrigir: forneça ao seu cliente o máximo de informações sobre um produto. Tamanho, peso, material, cor, função, e tudo que for necessário para que o cliente possa imaginar o produto da forma mais real possível.

6.Muitos anúncios

Utilizar muitos anúncios em lojas virtuais é um erro muito comum atualmente. Os empreendedores desejam ganhar dinheiro através de anúncios, mas não percebem que utilizá-los em larga escala pode tirar a atenção do cliente dos produtos. Além disso, o site fica pesado visualmente e com muita informação, o que pode prejudicar a sua usabilidade.

Como corrigir: utilize poucos (ou nenhum) anúncio em seu site. Lembre-se que o foco da sua loja virtual é a venda, portanto, tirar o foco desse propósito lhe fará perder dinheiro.

7. Não colocar possibilidade de calcular frete antes da compra

É comum encontrarmos na internet lojas virtuais que não fornecem a opção de calcular frete antes de colocar o produto no carrinho. Para muitos clientes, calcular o frete antes de se cadastrar (ou comprar) é um fator decisivo para finalizar a compra. Isso ocorre pois o frete possui um valor diferente para cada região, e isso influencia diretamente no processo de compra.

Como corrigir: deixe o campo de cálculo de frete na página do produto, de forma clara e visível. Além disso, é fundamental fornecer o campo no produto antes mesmo do cliente fazer o cadastro, assim ele pode obter todas as informações sobre sua compra antes de finalizá-la.

8. Poucas opções de pagamento

Um site que possui apenas duas opções de pagamento não é tão relevante para o cliente quanto um site que possui 10. Por mais que os clientes optem a maioria das vezes pelas mesmas formas de pagamento, deixar poucas opções pode fazer com que o cliente questione a confiabilidade de sua loja.

Como corrigir: procure integrar diversas opções de pagamento em sua loja. Muitas delas não serão utilizadas, mas irá transmitir maior confiabilidade e preocupação da sua empresa com seus clientes.

9. Carrinho de compras escondido e com design pobre

Não existe coisa pior do que não encontrar os botões e comandos em um site. O carrinho está entre os botões mais importantes de um site, visto que é através dele que os clientes conseguem acessar suas compras. Se seu carrinho estiver apagado, escondido ou pouco chamativo, há uma grande chance do seu cliente desistir da compra e procurar comprar com seu concorrente.

Como corrigir: invista em um belo design para esse botão específico. Coloque cores e desenhos que chamem a atenção de seu cliente, para que ele não possua dificuldades para encontrá-lo.

10. Processo de finalização de compra muito longo

Por último e não menos importante, se atente ao tempo que o cliente levará para finalizar a compra. Assim como no cadastro, utilizar apenas os campos essenciais é muito importante para que seu cliente não desista da compra.

Como corrigir: o ideal para o processo de finalização da compra é utilizar até 5 passos. Neles é importante que estejam contidos as opções de frete, utilização de cupons, escolha de endereço de entrega, confirmação, etc.

Esses são pontos que podem ajudar no crescimento de sua loja virtual, lembre-se que são os detalhes e pequenas interações que podem "fisgar" um novo cliente para seu site. Sempre tenha em mente a evolução e melhoria de sua loja virtual.

Até mais! 👨‍💻